Sotecnisol responsável pela impermeabilização do Centro de Artes e Tecnologia da EDP

0

O grupo português de engenharia, Sotecnisol, foi recentemente selecionado para o projeto de implementação líquida da cobertura do Centro de Artes e Tecnologia da EDP, junto da Central Tejo, em Lisboa.

A Sotecnisol explica, em comunicado, que ficou responsável pela impermeabilização de cerca de 5 mil metros quadrados de cobertura em forma de onda, “ com degraus que se vão dissimulando nesta forma ondulada”, através de produtos líquidos à base de resinas de poliuretano, compostos num “elaborado e complexo sistema que servirá simultaneamente à colagem do revestimento em pedra natural, na cobertura acessível a tráfego pedonal dos visitantes”.

Este espaço cultural pretende estar ao nível das grandes cidades europeias com uma programação contemporânea e internacional, tendo sido idealizado pela arquiteta britânica Amanda Levete.

O projeto esteve envolto em alguma controvérsia, após a construtora MSF, a quem tinha sido adjudicada a obra por um montante de 19,8 milhões de euros, ter sido afastada por incumprimento financeiro.

Fonte: Económico e Construir (adaptado)

Controle, em pormenor, a atividade das suas máquinas e pesados nas diferentes obras.

Share.
Saiba mais sobre:   Nacional

Leave A Reply