Construção em Portugal foi quem mais perdeu emprego

0

A revelação foi feita pelo Jornal de Negócios através de uma infografia que revela as profissões que mais cresceram e diminuíram em Portugal desde 2010.

Segundo o gráfico, os “profissionais qualificados da construção e similares, exceto eletricista “ diminuíram cerca de 31,21% em Portugal Continental, sendo a profissão que mais sofreu com o desemprego.

A revelação foi feita pelo Jornal de Negócios através de uma infografia que revela as profissões que mais cresceram e diminuíram em Portugal desde 2010.

Em 2010, o número de profissionais desta área seria de 142.678, número que continuou a descer durante os anos seguintes: 128.558 (2011); 101.798 (2012); 97.722 (2013)

O ano de 2014, porém, foi de recuperação. Apesar de pouco significativa, registou-se uma subida no número de profissionais da construção, contrariando o ciclo de queda registado desde 2010.

Fonte: Jornal de Notícias

Controle, em pormenor, a atividade das suas máquinas e pesados nas diferentes obras.

Share.
Saiba mais sobre:   Nacional

Leave A Reply