Salão Imobiliário de Portugal chega a Lisboa na próxima semana

0

O Salão Imobiliário de Portugal regressa a Lisboa já na próxima semana e traz consigo oportunidades de peso, a par de um forte foco em aspetos como a reabilitação, a internacionalização e o arrendamento e serviços. Entre outros eventos e iniciativas que podem significar boas oportunidades de negócios, destacam-se: as visitas previstas de investidores estrangeiros, sessões de speed networking e leilões imobiliários.

A Feira Internacional de Lisboa (FIL), no Parque das Nações, volta a receber mais uma edição (a 18ª) do Salão Imobiliário de Portugal (SIL). A maior feira do setor imobiliário do país começa dia 7 de outubro e termina dia 11, realizando-se em conjunto com a InterCasa, o Lisboa Design Show e o Vintage Festival, à semelhança de anos anteriores.

O SIL 2015 volta a piscar o olho à internacionalização e à captação de investimento estrangeiro, sendo esta, mais uma vez, uma das áreas estratégicas do evento. Nesse sentido, China, França e os países CPLP (nomeadamente Brasil, Cabo Verde, Moçambique, Angola, Guiné Bissau e Macau) voltam a ser mercados em foco, estando prevista a visita de investidores estrangeiros, “proporcionando contato direto entre promotores e investidores”, refere a organização.

Uma das iniciativas em destaque é a Speed Networking da Confederação da Construção e do Imobiliário de Língua Oficial Portuguesa (CIMLOP), que tem como objetivo “ampliar a sua rede de contactos, partilhar informações e estimular a criação de parcerias a nível internacional”.

Também a reabilitação urbana volta a estar em destaque, estando prevista a “visita a projetos emblemáticos reabilitados” em Lisboa “e a locais com necessidades de reabilitação”, tal como sucedeu em edições anteriores. Trata-se, de resto, de um tema que será debatido e analisado em várias conferências (programa do SIL 2015 disponível em: http://www.imobiliario.fil.pt/atividades/).

A organização escolheu ainda o tema de “arrendamento e serviços” como central na estratégia da feira. Nesse âmbito existem duas iniciativas, a Bolsa de Arrendamento – “oferta concertada de imobiliário para arrendamento a nível nacional e de todas as tipologias” – e um setor de exposição denominado SIL Serviços, no qual “se enquadram empresas prestadoras de serviços ao setor imobiliário”, como por exemplo empresas de materiais de construção, sociedades de advogados, empresas de condomínio, seguradoras e empresas de limpezas.

Serão ainda realizados durante o evento três leilões imobiliários. Dois com imóveis detidos pelo banco estatal Caixa Geral de Depósitos – nos dias 10 e 11, sábado e domingo – e outro com imóveis da Direção Geral do Tesouro e Finanças, no dia 11.

De referir que em 2014 o SIL recebeu 42.326 visitantes e contou com 172 expositores, mais 19% e 72% do que na edição de 2013, respetivamente. As expetativas para a edição deste ano são, por isso, elevadas.

O SIL 2015 estará aberto ao público das 14h às 20h nos dias 7, 8 e 11 de outubro, sendo que nos dias 9 e 10 a feira encerrará duas horas mais tarde, às 22h. A entrada custa cinco euros, mas os portadores de cartão jovem, estudantes e pessoas com mais de 65 anos pagam 2,5 euros. Para as crianças até aos dez anos a entrada é gratuita.

Fonte: Idealista

Mantenha os seus bens móveis bem protegidos com a localização por GPS.

Share.
Saiba mais sobre:   Nacional

Leave A Reply