Queda de grua provoca a morte de trabalhador

0

O operador da grua que caiu em cima de um edifico em Lisboa, morreu ontem no Hospital de São José. O homem de 37 anos apresentava ferimentos graves, fonte do hospital revela que a vítima deu entrada nas urgências em paragem cardiorrespiratória, tendo sido efetuadas manobras de reanimação.

O operador da grua que caiu em cima de um edifico em Lisboa, morreu ontem no Hospital de São José. A grua encontrava-se a 30 metros de altura quando caiu.

O operador da grua que caiu em cima de um edifico em Lisboa, morreu ontem no Hospital de São José. A grua encontrava-se a 30 metros de altura quando caiu.

Trata-se da única vitima mortal decorrente do acidente que envolveu a queda de uma grua em cima de um edifício, atualmente ocupado pela EDP. Fonte da empresa disse à Lusa que “estavam pessoas a trabalhar na altura do acidente, mas não há danos graves a registar”.

A grua encontrava-se a 30 metros de altura quando caiu. O operador, que se encontrava no interior da cabine, terá ficado preso no interior desta com ferimentos graves.

O operador da grua que caiu em cima de um edifico em Lisboa, morreu ontem no Hospital de São José. A grua encontrava-se a 30 metros de altura quando caiu.

De acordo com fonte da Proteção Civil, presente no local, o braço da grua caiu sobre os números 42 e 44 da Rua Camilo Castelo Branco, dois prédios de escritórios devolutos, mas o acidente obrigou à evacuação do número 46, de onde foram retirados 300 trabalhadores da EDP.

Fonte: TSF e Expresso (adaptado) | Fonte (imagem): Diário de Notícias

Controle, em pormenor, a atividade das suas máquinas e pesados nas diferentes obras.

Share.
Saiba mais sobre:   Nacional

Leave A Reply