Produção na construção na zona euro registou queda de 2,3% durante o mês de junho

0

A produção no setor da construção decresceu em junho 2,3% na zona euro, face ao período homólogo de 2014. Portugal esteve entre os países que registaram as menores quedas ao nível da produção na construção. Os números foram hoje divulgados pelo Eurostat.

O gabinete de estatística europeu mostra ainda que em termos homólogos, a produção no setor da construção recuou 0,4% na União Europeia a 28 [Estados-Membros].

Já face ao mês anterior, a produção da construção recuou 1,9% entre os 19 países que partilham a moeda única e 1,1% entre os 28 Estados-Membros.

Em Portugal, a produção do setor da construção caiu 1,8% em junho, face ao mesmo mês do ano anterior, e 0,9% face a maio.

Ainda em termos gerais, a queda homóloga de 0,4% dos 28 Estados-Membros deveu-se à redução de 0,6% da indústria da construção e de 2% no ramo de engenharia civil.

Entre os Estados-Membros para os quais existem dados disponíveis, as maiores reduções na produção no setor da construção foram registadas na Eslovénia (12,2%), França (6,8%), Polónia (4,7%) e na Alemanha (3,9%), enquanto os maiores aumentos verificaram-se na Eslováquia (24,1%), Países Baixos (15,8%), Roménia (13,1%) e Suécia (10,8%).

Em termos mensais, a redução de 1,1% na UE a 28 deveu-se à descida de 1,7% da indústria da construção e de 0,9% no ramo de engenharia civil.

Entre os Estados-Membros para os quais existem dados disponíveis, as maiores reduções na produção no setor da construção em termos mensais verificaram-se na Alemanha (4,5%), Polónia (4,2%), Suécia (2,7%) e França (2,5%).

Os maiores aumentos registaram-se na Roménia (3,5%), Bulgária (2,6%) e no Reino Unido (2,5%).

Fonte: LUSA

Melhore a produtividade das suas máquinas com a geolocalização.

Share.
Saiba mais sobre:   Internacional

Leave A Reply