Operação Marquês investiga ligações entre Sócrates e o empreendimento Vale do Lobo

0

Segundo o Diário de Notícias, o mais recente interrogatório a José Sócrates terá tido como foco o empreendimento de luxo de Vale do Lobo, em Almancil (Algarve). Segundo esse periódico, as investigações da Operação Marquês debruçam-se agora sobre possíveis ligações entre o antigo primeiro-ministro, as decisões tomadas no âmbito do Plano Regional de Ordenamento do Território para o Algarve (PROTAL) durante o seu mandato e os donos do empreendimento em causa.

José Sócrates encontra-se detido no Estabelecimento Prisional de Évora, por indícios de corrupção, branqueamento de capitais e fraude fiscal.

O procurador Rosário Teixeira centrou atenções no empreendimento de luxo de Vale do Lobo, no Algarve. O Diário de Notícias dá conta de que no último interrogatório com o Ministério Público, José Sócrates foi questionado em relação a uma proposta aprovada em Conselho de Ministros à data em que era chefe de Governo.

Em causa está o novo Plano Regional de Ordenamento do Território para o Algarve (PROTAL) e a ligação às transferências de dinheiro que terão sido feitas em 2008 e 2009 para uma conta na Suíça.

A aprovação da revisão do PROTAL, que aconteceu a 24 de maio de 2007, através de uma resolução de Conselho de Ministros. Porém, o documento só seria publicado a 3 de agosto em Diário da República, tendo entrado em vigor a 19 de dezembro.

Ao que tudo indica, o PROTAL poderá ter beneficiado os donos do empreendimento Vale do Lobo, como Hélder Bagtalia, um empresário com ligações ao Banco Espírito Santo.

Bagtalia terá ainda transferido 12 milhões de euros para uma conta na Suíça de Joaquim Barroca, administrador do Grupo Lena, que os terá passado para Carlos Santos Silva, amigo de infância de Sócrates, que, por sua vez, os transferiu para o antigo governante.

O ex-primeiro-ministro ficou ainda a conhecer que é suspeito de corrupção para ato ilícito. Contudo, não soube qual o ato em si.

Fonte: Notícias ao Minuto | Fonte (imagem): Antonio Cruz/Agência Brasil

Vigie em detalhe os percursos e consumos das suas máquinas com a ajuda da geolocalização.

Share.
Saiba mais sobre:   Nacional

Leave A Reply