Nova Assembleia de Angola (construção Teixeira Duarte) é inaugurada em novembro

0

A Assembleia Nacional de Angola tem um novo edifício-sede, edificado pela construtora portuguesa Teixeira Duarte, que será inaugurado no dia 10 de novembro (véspera do dia da independência nacional de Angola), durante as comemorações dos 40 anos da independência, informou hoje fonte do parlamento daquele país.

A nova sede, em Luanda, representou um investimento público superior a 185 milhões de dólares (167 milhões de euros) e está integrada num complexo constituído por três edifícios e dois parques de estacionamento para 503 viaturas.

De acordo com informação do parlamento angolano, a que a Lusa teve acesso, o processo de mudança de instalações arrancará a 16 de novembro e só estará concluído a 10 de dezembro, conforme instruções transmitidas na quarta-feira aos funcionários pelo secretário-geral daquele órgão de soberania, Pedro Agostinho de Neri.

O denominado Centro Político e Administrativo de Luanda começou a ser construído em maio de 2010 e há pelo menos um ano que está concluído.

A cargo da construtora Teixeira Duarte, a obra foi visitada pelo primeiro-ministro português, Pedro Passos Coelho, a 17 de novembro de 2011, durante uma deslocação a Angola.

O complexo envolve uma área de 35.867 metros quadrados de escritórios, 11.341 metros quadrados de área global para a assembleia (plenário) e 3.191 metros quadrados para serviços.

O edifício principal, a inaugurar na véspera do dia da independência nacional (11 de novembro de 1975), conta com seis pisos, quatro superiores e dois subterrâneos.

O Movimento Popular de Libertação de Angola (MPLA) é maioritário no parlamento angolano, tendo conquistado 175 dos 220 deputados nas eleições de 2012.

A oposição é constituída pela União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA), com 32 deputados, seguida da Convergência Ampla de Salvação de Angola – Coligação Eleitoral (CASA-CE), com oito eleitos, do Partido da Renovação Social (PRS), com três, e da Frente Nacional de Libertação de Angola (FNLA), com dois representantes na Assembleia Nacional.

Por: PVJ // MP | Fonte: Lusa

Proteja os seus pesados e máquinas com a localização por GPS.

Share.
Saiba mais sobre:   Internacional

Leave A Reply