Mota-Engil com 280 milhões em contratos na Colômbia

1

A Mota-Engil continua a dar cartas no mercado sul-americano, somando agora novos contratos na Colômbia, orçados em 280 milhões de euros, revelou a empresa de António Mota através de comunicado endereçado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

A construtora portuguesa será responsável no desenvolvimento e construção de duas infraestruturas, num total de dez mil salas de aula nomeadamente na região Oeste na área Antioquia – Eje Cafetero – Pacífico (5.611 salas) e na área Caribe 1 (4.376 salas).

Sobre os contratos, o comunicado da Mota-Engil revela que “Os dois contratos-quadro, que estão inseridos no contexto de um extenso programa governamental que cobre todo o país, têm um prazo global de execução de 36 meses e serão concretizados através de diversos projetos ‘design and build’ a desenvolver em cada uma das áreas geográficas abrangidas”.

América do Sul

A Mota-Engil considera que estes contratos para intervenção nas unidades escolares consolidam a estratégia de “diversificação geográfica e do portefólio de projectos em carteira”.
No final do primeiro trimestre do ano, o grupo detinha uma carteira de encomendas a rondar os 3 3994 milhões de euros, sendo que 1 923 milhões são oriundos do mercado da América-Latina.
Fonte: Negócios (adaptado)

Controle, em pormenor, a atividade das suas máquinas e pesados nas diferentes obras.

Roubo de combustível: quanto custa à sua empresa?

Dependendo da tipologia de veículo e da respectiva capacidade dos depósitos, um único roubo de combustível pode representar para a empresa um prejuízo que pode ir desde algumas dezenas de euros até…
Leer Mais »

Share.
Saiba mais sobre:   Atualidade

1 comentário

Leave A Reply