AICCOP: 2015 foi um dos piores anos em investimento nas Obras Públicas

0

É o que diz o mais recente barómetro mensal da Associação dos Industriais de Construção Civil e Obras Públicas (AICCOP), evidenciando uma quebra no número de concursos públicos e investimento no sector, particularmente reduzidos no mês de Novembro.

O presidente da associação, Reis Campos, teme que a continuação deste cenário de contínua quebra, possa fazer disparar ainda mais o número de despedimentos no sector. Para Reis Campos “ estamos a assistir a um agravamento novamente do sector da construção e do imobiliário, com expressão na questão da internacionalização”.

A principal acusação do presidente da AICCOP, é a falta de resposta dos governos, que não têm incentivado o sector com investimentos públicos. E se até há bem pouco tempo o sector da construção via o mercado internacional como a sua “bomba de oxigénio”, com o agravar da situação em Angola, o cenário amargura-se cada vez mais, “a situação de não dar resposta ao investimento estrangeiro e sem investimento interno” só poderão agravar ainda mais os problemas sentidos.

Tendo perdido cerca de 33 mil empresas e 262 mil trabalhadores nos últimos 5 anos, o Presidente da AICCOP não tem dúvidas em afirmar que 2015 foi um dos piores anos de sempre em termos de investimento público no sector.

Fonte: TSF (adaptado) | Fonte (imagem): José Carmo (Global Imagens)

Controle, em pormenor, a atividade das suas máquinas e pesados nas diferentes obras.

Share.
Saiba mais sobre:   Atualidade

Leave A Reply