Instabilidade em Moçambique ameaça investimento europeu

0

A paz e a estabilidade são uma condição para manutenção do investimento europeu em Moçambique. Foi esta a mensagem deixada por deputados alemães, numa tomada de posição face à crise político-militar vivida na antiga colónia portuguesa.

“Nós estamos preocupados com a situação política em Moçambique”, disse à imprensa Peter Ramsauer, chefe da delegação do parlamento alemão que efetua, a partir de hoje, uma visita de trabalho a Moçambique, momentos após ser recebido pela vice-ministra dos Negócios Estrangeiros e Cooperação moçambicana, Nyeleti Mondlane. Leia mais: Alemanha preocupada com instabilidade em Moçambique

Quando a crise político-militar no país se agravou nos últimos meses, com registos de confrontações militares entre as Forças de Defesa e Segurança e o maior partido de oposição, a Resistência Nacional Moçambicana (Renamo), o chefe da missão do parlamento alemão apontou a paz e a estabilidade como elementos indispensáveis para os investimento europeu em Moçambique, manifestando a intenção de fortalecer as “já boas relações” e continuar a apoiar o seu desenvolvimento. Leia mais: Alemanha preocupada com instabilidade em Moçambique.

Durante a visita de Filipe Nyusi a Berlim, a chanceler alemã, Angela Merkel, disse que a Alemanha está disponível para apoiar o restabelecimento da paz em Moçambique, avançando que o seu país vai “ver que canais podem ser aproveitados para melhorar as possibilidades de diálogo”, num processo que tem ser levado a cabo com a participação da Renamo.

A Renamo ameaça governar à força nas seis províncias onde reivindica vitória nas eleições gerais de 2014, acusando o partido no poder, a Frente de Libertação de Moçambique (Frelimo), de ter protagonizado uma fraude eleitoral no último escrutínio. Leia mais: Alemanha preocupada com instabilidade em Moçambique.

Fonte: Dinheiro Vivo

Controle, em pormenor, a atividade das suas máquinas e pesados nas diferentes obras.

Share.
Saiba mais sobre:   Internacional

Leave A Reply