Inaugurado o maior túnel rodoviário do mundo , 20 anos depois

0

A obra foi aprovada através de referendo em 1992, tem quase 20 anos de construção, é Suíça, tem 57 quilómetros e é inaugurada esta segunda feira, trata-se do mais longo túnel rodoviário do mundo.

O túnel Saint-Gothard vai assegurar a ligação entre o Norte e Sul da Europa, contornando o obstáculo dos Alpes suíços, algo que para o diretor federal dos transportes, Peter Fueglistaler, “faz parte da identidade suíça”

A ligação só estará totalmente operacional em Dezembro, mas promete redefinir o mapa de transportes do eixo Norte-Sul da Europa, avança a AFP. O objetivo é sobretudo descongestionar as estradas, desviando o transporte de mercadorias do eixo Reno-Alpes, que vai de Roterdão, próximo do Mar do Norte, a Génova, no Mediterrâneo.

A obra foi aprovada 1992, tem quase 20 anos de construção, é Suíça e é inaugurada esta segunda feira, trata-se do mais longo túnel rodoviário do mundo.

A obra foi aprovada 1992, tem quase 20 anos de construção, é Suíça e é inaugurada esta segunda feira, trata-se do mais longo túnel rodoviário do mundo.

Este projeto da década de 90 custou aos cofres suíços cerca de 12 mil milhões de francos  (19,9 mil milhões de euros) e superou o até então maior túnel do mundo (o túnel de Seikan, de 53,9 quilómetros ).

Diariamente estima-se que sejam efetuadas 260 ligações para mercadorias a uma velocidade de 100 km/hora, e 65 ligações para passageiros, num máximo de 200 km/hora. Até 2020, o tráfico de mercadorias entre Roterdão e Génova deverá aumentar 20%, e 15 mil pessoas farão o trajeto diariamente, contra as 9 mil atuais, esperam os caminhos-de-ferro suíços.

A obra

Um dos desafios técnicos foi controlar a temperatura que pode atingir os 45ºC, através de um potente sistema de ventilação. Haverá troços em que o comboio circulará a 2,5 quilómetros abaixo da superfície, adianta a BBC. Os engenheiros tiveram de escavar e fazer explodir 73 diferentes tipos de rocha, algumas duras como o granito, outras suaves como o açúcar, continua a estação britânica. Foram extraídas mais de 28 milhões de toneladas de pedra e nove trabalhadores morreram durante a construção.

Fonte: Público (adaptado)

Controle, em pormenor, a atividade das suas máquinas e pesados nas diferentes obras.

Share.
Saiba mais sobre:   Internacional

Leave A Reply