GPC: A marca coletiva que irá promover o setor português da construção

0

Global Portuguese Construction (GPC), é esta a marca coletiva que irá representar o setor português da construção, tendo como principal objetivo promover as empresas lusas em mercados como Espanha, Reino Unido, França, Cuba e Peru, de forma a compensar as quebras em África.

Para o presidente da Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas (AICCOPN), Reis Campos, esta marca permitirá diferenciar as empresas portuguesas nos mercados externos, numa ação que se insere no projeto “Rede Internacional da Construção Portuguesa”, apresentado ontem no Porto e que, com o apoio do Portugal 2020, quer marcar o futuro do setor em 2016 e 2017.

Paralelamente à criação desta marca colectiva, a Rede Internacional da Construção Portuguesa aponta como mercados estratégicos na promoção internacional do sector a Europa (sobretudo Espanha, França e Reino Unido) e a América Latina (Colômbia, Peru e Cuba), estando previstas várias missões empresariais a estes mercados (à Colômbia já em agosto de 2016) até 2017.

É que, admitiu o presidente da AICCOPN, em termos de internacionalização o sector da construção vive actualmente “uma situação particular e preocupante”, com o seu principal mercado — Angola, responsável por 2,1 mil milhões dos 10,4 mil milhões de euros das exportações do sector em 2014 — a atravessar sérios problemas, Moçambique a evoluir a um ritmo abaixo do previsto e o Brasil a revelar-se “muito complicado”.

Globalmente, África representava em 2014 cerca de 63% do volume de exportação do sector e Angola 38%.

“Há que alargar esta plataforma de internacionalização e abrir novos caminhos”, sustentou Reis Campos, destacando o papel que aqui desempenha “uma marca forte” e uma correta “estratégia e planeamento do processo da internacionalização”, estando por isso previsto o acesso livre das empresas do sector a uma plataforma com informação sobre concursos públicos em Espanha e em França.

Fonte: Negócios (adaptado)

Controle, em pormenor, a atividade das suas máquinas e pesados nas diferentes obras.

Share.
Saiba mais sobre:   Atualidade

Leave A Reply