“Espero que não saia”, diz António Mota sobre a saída de José Eduardo dos Santos

0

António Mota, presidente da construtora Mota-Engil, mostra-se esperançoso no recuo de posição do presidente angolano José Eduardo dos Santos, após este ter anunciado o cessar de funções em 2018.

Depois de o chefe do estado angolano ter anunciado que abandonaria vida política em 2018, António Mota reagiu com relutância. “Espero que não saia”, afirmou o presidente da Mota-Engil, que está no mercado angolano há 70 anos.

“O presidente ainda é um vector fundamental no país”, afirmou ainda, citado pelo “Dinheiro Vivo”.

Fonte: Diário Económico

Controle, em pormenor, a atividade das suas máquinas e pesados nas diferentes obras.

Share.
Saiba mais sobre:   Internacional

Leave A Reply