Linde lança sistema de deteção de gás para empilhadores antideflagrantes zonas 2 ATEX

0

A Linde introduziu uma novidade muito prática e bem-vinda para os seus empilhadores elétricos com capacidade de carga de entre 1,4 e 3,5 toneladas utilizados nas zonas 2 ATEX: um sistema de deteção de gás que, entre outras características, inclui funções de proteção e dados relevantes para a segurança. A inovação ajuda a incrementar a segurança dos equipamentos e seus operadores, mas também a esquematizar informação relevante, como a evolução da concentração de gás.

Os empilhadores, quando utilizados num cenário de proteção contra explosões em zonas 2 ATEX categoria 3 G (gás), necessitam que neles sejam operadas modificações de segurança adequadas (proteção passiva), ou alternativamente da adaptação de um sistema que assegure a supervisão constante da concentração de gás na atmosfera circundante e desligue o empilhador de forma segura (proteção ativa) caso se ultrapassem os limites.

A Linde facilitou a tarefa nos seus empilhadores elétricos, que passam agora a disponibilizar um inovador sistema certificado de deteção de gás. A novidade está disponível, de forma opcional, em empilhadores com capacidades de carga de entre 1,4 e 3,5 toneladas.

O sistema de deteção de gás inclui, como principais funcionalidades:

  • Controlo de acesso;
  • Verificações antes de cada turno;
  • Calibração automática;
  • Relatórios;
  • Planificação da manutenção;
  • Ligação sem fios a sensores de gás fixos.

Um ecrã exibe todos os dados relevantes para a segurança, nomeadamente a concentração de gás e a temperatura de funcionamento do motor.

Funcionamento e manutenção

O tablet com proteção contra explosões que é a “cara” do novo sistema de deteção de gás controlado da Linde.O sistema é de fácil manutenção e, em termos de suporte físico, consiste num tablet PC com proteção contra explosões, um sensor com um pequeno depósito para a mistura de gases de ensaio e uma caixa de relés com controlador. A ligação sem fios entre os sensores de temperatura e o controlador é assegurada pelo protocolo ZIGBEE.

A unidade de deteção de gás está instalada num pequeno compartimento de dimensões semelhantes às de uma lata de refrigerante e necessita de ser substituída anualmente, como parte de uma manutenção de rotina realizada por um técnico. A cada arranque do empilhador o sistema verifica os sensores, o que torna o seu manejo mais prático face aos outros sistemas no mercado.

Quando em funcionamento, o sistema mostra constantemente ao condutor toda a informação sobre as condições de funcionamento relevantes para a proteção contra explosões, como a temperatura ou a concentração de gás no ar. O sistema pode ser também utilizado para controlo de acesso de veículo, mediante a atribuição de códigos PIN diferentes a condutores, gestores de operações e técnicos.

Durante o turno, o sistema cria um registo contínuo de concentrações de gás, independentemente de estas ultrapassarem ou não os limites estabelecidos. Quando os limites são transpostos há, automaticamente, uma paragem controlada e, se necessário, o sistema pode enviar uma notificação via rádio ao gestor de operações. Assim que a concentração de gás desce abaixo do limite aceitável, o condutor recebe uma notificação no ecrã do sistema. Tal informação permite que o empilhador torne a funcionar mediante as ordens do operador ou após validação de um supervisor.

Também os gestores de operações ficam a ganhar com a funcionalidade integrada de relatórios, que podem registar as ocorrências e a progressão da concentração de gás.

Utilizando este sistema de supervisão, um gestor de operações pode verificar o conceito de segurança operacional existente de forma frequente, afirma Herbert Kunkel, Diretor executivo da Proplan, filial da Linde Material Handling.

O sistema pode evitar que o empilhador aceda a uma área cuja concentração de gás seja superior aos níveis admitidos. Além disso, os empilhadores ou frotas de empilhadores podem ser introduzidos num conceito de segurança interdepartamental para toda a unidade, com documentação diária e supervisão das condições relacionadas com a segurança.

Proteja as suas máquinas nas diversas obras – torne-as localizáveis.

Share.
Saiba mais sobre:   Máquinas e materiais

Leave A Reply