Belenenses investe 30 milhões de euros no complexo do seu estádio

0

Perto de 30 milhões de euros. É este o valor que o Clube de Futebol os Belenenses espera investir no projeto de requalificação do complexo do Estádio do Restelo, englobando trabalhos na melhoria da área envolvente ao estádio, a construção de um colégio, um polo universitário, um centro de estágio, dois campos de futebol, um pavilhão polidesportivo (com campos de ténis e de padel), ginásios, piscinas, uma área comercial e uma clínica vocacionada para a medicina desportiva e de alto rendimento.

O clube revelou que os trabalhos deverão ter inicio ainda este ano mas que o projeto só deverá estar perto da conclusão em 2019.

O presidente do histórico clube lisboeta, Patrick Morais de Carvalho, revelou em conferência de imprensa “Hoje é o primeiro dia do resto da vida do Belenenses. Na história deste clube haverá o antes de 01 de julho de 2016 e o depois. Com este projeto o Belenenses vai apanhar, definitivamente, o comboio da modernidade”.

Para Fernando Medina, presidente da Câmara Municipal de Lisboa, trata-se de um projeto “exemplar”, revelando ainda que “É a combinação de uma visão excecional para o desenvolvimento desta área, valorizando-a pela aposta na modernidade, aliada a um projeto de sustentabilidade futura do clube», assinalou o autarca.

O dirigente Morais de Carvalho explicou que o financiamento da obra terá de ser realizado através de parcerias, devido á incapacidade financeira do clube para arcar com todos os custos. O presidente do Belenenses revelou, no entanto, que esses apoios terão sempre como base concursos públicos, que excluem a possibilidade de hipotecar o património do clube.

Fonte: Mais Futebol (adaptado)

Controle, em pormenor, a atividade das suas máquinas e pesados nas diferentes obras.

Share.
Saiba mais sobre:   Nacional

Leave A Reply